Dia da Mulher



Para celebrar esta data, eu recorro ao poema "Pecado muito pouco original, de Mia Couto.

Pecado Muito pouco original

Não foi despudor.

A mulher se vestiu, sim,

para ser eterna.

Não foi vaidade.

Ela se fez bela

para cegar o mundo.

Heresia, por certo.

Porque ela nasceu

e Deus se perdeu do seu afazer.

Couto, Mia. In: MIA COUTO[poemas escolhidos.]. São Paulo: Companhia das Letras, 2016.


0 visualização

Contato

Inscreva-se no nosso canal no youtube

foto Regiane blog.jpg

Mãe, professora, autora de materiais didáticos, doutoranda em Literatura e Crítica literária pela PUC-SP. 

Idealizadora do Veredas do Texto e criadora de conteúdo 

Regiane Boainain 

  • LinkedIn Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • White Instagram Icon
  • White Facebook Icon

veredasdotexto@gmail.com

Tel e whatsapp

(11) 97683 4664