Regência nominal 

Aqui, vocês encontrarão alguns tópicos importantes para o estudo de regência nominal.

 

A regência é o estudo que envolve uma relação de dependência. Essa dependência envolve dois termos: o termo regente e o termo regido. O termo regente é aquele que “ordena” “direciona” ou “solicita”. No caso da regência nominal, substantivos, adjetivos ou advérbios podem se apresentar como termos regentes ou subordinantes, exigindo a presença de um complemento para a construção de seus sentidos. Chamamos esses complementos de subordinantes ou termos regidos. O termo regente pode solicitar ou não preposições específicas para se ligar ao termo regido.

Por exemplo:

No cartum abaixo, percebemos que o substantivo vergonha solicita a preposição de para se ligar ao termo regente “de mim mesmo”.

http://www1.folha.uol.com.br/ilustrada/cartum/cartunsdiarios/?cmpid=menulate#8/3/2016

 

No fragmento abaixo, o adjetivo compatível solicita a preposição com para se ligar ao seu termo regido “o dele (a).”

 

“Você já deu uma conferida para saber se o signo dele combina com o seu? Os seus signos combinam? Se você tem dúvidas, dê uma olhadinha aqui e descobrirá se ele é o seu par ideal!

A gente diz que isso é bobagem, mas a verdade é que sempre damos uma olhadinha no nosso horóscopo do dia para ver os signos que combinam. A seguir, você, que procura uma pessoa especial, confira se o seu signo é compatível com o dele (a).”

Disponível em: http://www.namoronaboa.com.br/2013/01/o-signo-dele-e-o-meu-combinam.html. Acesso em 09/04/2016.

 

Alguns nomes exigem mais de uma preposição para se ligarem aos seus termos regidos.

 

No cartum abaixo, por exemplo, houve um erro de regência relacionado ao substantivo remorso. Isso ocorreu porque quem tem remorso, tem remorso de algo ou por algo ou alguém.

Disponível em: http://www1.folha.uol.com.br/ilustrada/cartum/cartunsdiarios/#7/4/2016

O correto seria: “Você não sente remorso por/ de ter um cavalo marinho preso no aquário?"

 

Um outro exemplo é o dos adjetivos incapaz e capaz. Esses adjetivos solicitam as preposições de/ para.

 

“Oh Deus, eu me sentia batizada pelo mundo. Eu botara na boca a matéria de uma barata, e enfim realizava o ato ínfimo.

Não o ato máximo, como antes eu pensara, não o heroísmo e a santidade. Mas enfim o ato ínfimo que sempre me havia faltado. Eu sempre fora incapaz do ato ínfimo.”

LISPECTOR, Clarice. A paixão segundo G.H. Rio de Janeiro: Rocco, 2009.

 

No fragmento acima, o adjetivo incapaz solicitou a preposição do para se ligar ao seu termo regido "ato ínfimo".

 

Leia a tira e atente à expressão indicadora de tempo “mesmo dia”.

Disponível em: http://www1.folha.uol.com.br/ilustrada/cartum/cartunsdiarios/?cmpid=menulate#26/3/2016

 

Para se ligar à oração “que venci...”, o adjunto adverbial de tempo "mesmo dia" solicitou a preposição em.

 

Veja: “... no mesmo dia em que venci.”

 

Atividades

 

1. Há um erro de regência no cartum abaixo. Localize- o. Posteriormente, explique o que ocorreu.

Disponível em: http://www1.folha.uol.com.br/ilustrada/cartum/cartunsdiarios/#11/3/2016

Leia o fragmento abaixo para responder à questão 2.

 

“- Elas estão lá na lanchonete. Vou falar com a professora Ruth agora. Depois eu volto.

- Tá certo. Vou trocar o soro dele que acabou- disse a enfermeira.

Vitória desceu a passos firmes. Estava ansiosa para saber o que havia ocorrido.”

SALAZAR, Sidney. A menina dos olhos de jabuticaba. São Paulo: Livrus Negócios Editoriais, 2014.

 

2.  Reescreva a frase acima, substituindo a preposição para por outra preposição solicitada pelo adjetivo ansiosa.

 

3. “Ela não estava apta de participar do concurso de miss. Era entendida no assunto de moda e estética, mas não se sentia capaz de concorrer com as outras candidatas.”

 

a) O adjetivo apta não teve a sua regência respeitada. Reescreva a primeira frase, substituindo a preposição de por outra que seja solicitada por esse adjetivo.

 

b) Os adjetivos entendida e capaz tiveram as suas regências respeitadas? Por quê?

 

c) Indique os termos regidos de todos os adjetivos em destaque no fragmento.

 

Espero que gostem!

Um beijo.

 

Karina

Contato

Inscreva-se no nosso canal no youtube

  • LinkedIn Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • White Instagram Icon
  • White Facebook Icon
foto Regiane blog.jpg

Mãe, professora, autora de materiais didáticos, doutoranda em Literatura e Crítica literária pela PUC-SP. 

Idealizadora do Veredas do Texto e criadora de conteúdo 

Regiane Boainain 

veredasdotexto@gmail.com

Tel e whatsapp

(11) 97683 4664