Uma aventura no sonho


Dedico esta leitura a todos os meninos e meninas, de todas as idades, que temem o sonho pela experiência do olhar. Não só pela imagem refletida, mas pelo o que há de essência em nós. Uma aventura no sonho, de Léo Cunha, ilustrações de Martina Schreiner, editora Edelbra, proporciona a todos os leitores uma reflexão sobre a negação de nossa própria imagem.


As imagens da obra são retratadas de forma onírica. Imagens que se confundem ao estado de espírito da garota.


Isabela está entrando na adolescência. Ela se encontra bem escondidinha na imagem abaixo, querendo se esconder daquela experiência.


Ela não gostava de sonhar, pois era um grande incômodo para ela lidar com os espelhos e as experiências de fantasia.


Era difícil apreciar aquilo o que ela via, mas um dia resolveu passar esse sonho a limpo e enfrentá- lo com coragem.


Enfrentou o bruxo fotógrafo, as águas refletoras e uma casa abandonada para entender que era preciso educar os olhos para encontrar o que há de melhor em si mesma. E conseguiu.