Lia e o feitiço da palavra



“Lia e o feitiço da palavra”, de Marília Moreira, editora Ozé, traz a história de uma princesa que não tinha vida dentro de si mesma, pois uma grande tristeza a assolava. Uma feiticeira foi chamada para tentar salvar a princesinha. A relação entre as duas é narrada pelas ilustrações de Maria Betania Galas, proporcionado um clima de mistério. O leitor fica esperando o feitiço acontecer durante toda a narrativa, mas o tal feitiço está guardado em uma magia...

A autora já inicia o texto com indagações sobre “Onde começa o começo?” A ideia do começo de todas as coisas é trabalhada sob a seguinte perspectiva: “onde mora o começo?”, “O começo começa onde tudo se inicia”, “É o que gera o início do verso ou do Universo”... Todos esses pensamentos nos remetem à mais fina reflexão de que “o começo está na magia contida no pólen da palavra”.

E é justamente pelo pólen da palavra, arraigado pela tradição oral de vários contos, que a feiticeira usa o seu mais puro encantamento.

Brincando com métricas variadas e várias possibilidades de ritmos, a autora cultiva em sua poesia os requintes do cordel e a sua palavra como poder vital para fazer renascer a princesinha.

Recomendo muitíssimo.

Prêmio FNLIJ 2017 - Autora revelação

Altamente recomendável - categoria Poesia - FNLIJ 2017

#LIAEOFEITIÇODAPALAVRA #MARÍLIAMOREIRA #MARIADABETANIAGALAS

Posts Recentes

Contato

Inscreva-se no nosso canal no youtube

Foto Regiane.jpeg

Regiane Boainain 

Idealizadora do Veredas do Texto e criadora de conteúdo 

Mãe, professora, autora de materiais didáticos, doutoranda em Literatura e Crítica literária pela PUC-SP. 

  • LinkedIn Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • White Instagram Icon
  • White Facebook Icon

veredasdotexto@gmail.com

Tel e whatsapp

(11) 97683 4664