MONSTROS!


Quem nos segue aqui no Veredas do Texto sabe que estamos produzindo materiais de apoio ao professor para a Editora Amelì. Você já conhece essa editora? Se não conhece, precisa conhecer. Ela chegou ao mercado com três obras incríveis: Júbilo, Nunca acontece nada na minha rua e Monstros! Acabamos de finalizar o material didático do livro Monstros!


SINOPSE

Monstros!, de Alice Hoogstad, é um livro de imagem, que narra a história de uma garotinha que vive em uma cidade preta e branca.

Um dia, ela sai de sua casa, munida de gizes de cera, disposta a deixar por onde passa desenhos criados por sua imaginação. Sua especialidade são monstros coloridos, os quais ganham vida e dão cor àquele local.

Se para as crianças da cidade, a presença dos monstros era alegre e divertida, para os adultos, nem tanto. Reagiram a eles com antipatia e mangueiras. Como essa história vai acabar?

ESPECIFICIDADES DA OBRA

Ao abrir Monstros!, somos surpreendidos por uma guarda toda marcada por gizes de cera coloridos. Ao virarmos a página, percebemos que esses rabiscos, feitos por uma garotinha, se espalham pela folha de rosto, mas não completamente, sugerindo uma continuação do colorir.

Na página dupla seguinte, uma cidade, toda preta e branca, se apresenta ao leitor. Nela, todos os moradores estão ocupados em seus afazeres, exceto uma menina que sai de sua casa, marcando o seu trajeto com um giz de cera vermelho. No canto da página, ela desenha no muro um coração. Um cachorro a observa.


Outra virada de página e percebemos que aquele cachorro rouba o coração desenhado, numa evidência de que a imagem ganhou concretude.


A garota continua a desenhar. Desta vez, monstros, os quais vão ganhando vida às suas costas e colorindo a cidade. As crianças gostam deles e entram na brincadeira.


Entretanto, no meio do caminho, adultos se incomodam com a bagunça e declaram guerra aos intrusos, munidos de mangueiras, vassouras, baldes de água e escovas.


Ingenuamente, as crianças acham que esses adultos também estão brincando e começam a limpar os muros também. Até a chuva entra na brincadeira. Tudo limpo, pronto para ser pintado de novo.

O livro, ao mesmo tempo em que conta uma narrativa específica, permite outras tantas possibilidades do narrar, além de levar o leitor a participar da brincadeira de colorir a cidade/ livro do jeito que achar melhor.

Enfim, o brincar de novo como uma nova experiência é materializado no trabalho de Alice Hoogstad, em Monstros!.

Aguardem as propostas de atividades que fizemos para esta obra. Em breve, elas sairão no site da editora Amelì.

Grande abraço!

Regiane


Posts Recentes

Contato

Inscreva-se no nosso canal no youtube

Foto Regiane.jpeg

Regiane Boainain 

Idealizadora do Veredas do Texto e criadora de conteúdo 

Mãe, professora, autora de materiais didáticos, doutoranda em Literatura e Crítica literária pela PUC-SP. 

  • LinkedIn Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • White Instagram Icon
  • White Facebook Icon

veredasdotexto@gmail.com

Tel e whatsapp

(11) 97683 4664